Metal e Loucuras

Metal e Loucuras

quarta-feira, 6 de julho de 2016

Top 3 Tiamat



Cultuada no meio doom e do metal extremo dos anos 90, os suecos do Tiamat perderam popularidade a partir de 1997 quando inseriram elementos góticos e eletrônicos em sua música. Mesmo que eles tenham melhorado após algumas escorregadas, o que os antigos fãs curtem mesmo são os 4 primeiros trabalhos. Portanto, se você curte música soturna e não conhece a banda, segue o Top 3 elaborado pelo Metal e Loucuras:


3 - The Astral Sleep (1991). Após um início mais extremo entre o black e death metal com Sumerian Cry em 1990, o Tiamat apresentou um álbum bem denso, alternando poucas passagens mais velozes a outros bem arrastados com destaque para a voz rouca de Edlund. Ouçam a faixa Mountain of Doom e apaixone-se.

2 - Wildhoney (1994). A banda chegou ao ápice de popularidade com este lançamento. Com video clipes rolando direto na MTV e faixas ultra melancólicas, duas delas com Edlund cantando com a voz limpa, o que seria a tônica para os próximos trabalhos. Neste álbum a banda se resumiu a Edlund nos vocais e guitarra e o baixista Johnny Hagel e demais músicos convidados. Destaque absoluto para a faixa Gaia, de beleza (e tristeza) ímpar.

1 - Clouds (1992). Se Anathema, Paradise Lost e My Dying Bride são considerados a santa trindade do doom, o álbum Clouds poderia estar figurando entre a discografia destas bandas sem dever nada para os ingleses. Aliás, melancolia é a palavra que comanda as 8 faixas deste trabalho, que já começa bem pela capa belíssima, muito rara no formato vinil, o que é uma pena. Ouça The Sleeping Beauty e entregue-se ao doom sem medo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário