Metal e Loucuras

Metal e Loucuras

sexta-feira, 22 de abril de 2016

10 músicas com a letra "C" que você tem que ouvir antes de morrer.



10 músicas com a letra "C" que você tem que ouvir antes de morrer.

Nesta lista, o Metal & Loucuras trouxe para vocês as 10 músicas essenciais que iniciam com a letra "C".

01 - Creeping Death (Metallica) O Metallica criou clássicos que serão ouvidos muitos e muitos anos após a banda acabar ou eu e você que está lendo deixar este planeta. Em 1984 eles criaram a obra prima Ride The Lightning e em meio a outras músicas fantásticas encontramos Creeping Death fando de hebreus e faraós e proporcionando um dos maiores momentos de interação entre banda e público durante os shows no momento do " Die By My hand..." Arrepiante!

02 - Caught Somewhere In Time (Iron Maiden) O som de guitarra que inicia esta música causa uma emoção para os fãs de Iron Maiden por dois motivos. Primeiro que esta música tem uma atmosfera mágica, indo além daquilo que se fazia na NWOBHM. Segundo, que este som de guitarra abre o melhor álbum da donzela em todos os tempos, e começar a ouvi-lo nos garante a sensação de que estamos embarcando em uma máquina do tempo que te levará ao passado e ao futuro na companhia de uma das melhores bandas já formadas sobre a terra.

03 - Cemetary Gates (Pantera) Ah, as baladas pesadas que as bandas de thrash fizeram nos anos 90. Parece que as bandas de hoje se esqueceram disso, ou fugiram desta aula. Ouvir o início dedilhado de Cemetary Gates com os vocais quase sussurrados de Phil Anselmo para em poucos instantes ouvir riffs pesados e vocais mais furiosos não tem preço. E os solos de Dimebag no final da música. Chega a dar arrepios.

04 - Crystal Mountain (Death) O Death do Chuck Schuldner continuava o mesmo, afinal Chuck como guitarrista e vocalista sempre foi a alma da banda, mas incorporou elementos mais alternativos em seu som brutal. O resultado disso? Um som muito mais agradável e cativante, que não deixou de ser death metal com todo seu peso mas agregou melodias que tornaram o álbum Symbolic único. Crystal Mountain é uma música de death belíssima, mas está no mesmo patamar de todas as outras provenientes do mesmo play.

05 - Cry War (Kreator) Tendo surgido como uma resposta européia ao Slayer, o Kreator ainda buscava sua identidade em 1985 quando lançou Endless Pain. Mas quem se importa? A faixa Cry War é a mais diferente do trabalho, que tem outras pérolas do naipe de Total Death e Flag Of Hate, mas por sua cadência e os vocais despojados do baterista Ventor, se destaca.

06 - Countess Bathory (Venom) Pode não ser tão black metal quanto o nome do álbum indica, mas o som entre o death e o thrash com temática demoníaca do Venom sempre foi feito com muita garra. E Countess Bathory é para muitos a melhor faixa deste disco. Para um álbum lançado em 1982 então, dispensa comentários. Apresente esta música a seus amigos que acham que metal extremo tem que ser à velocidade da luz com vocais ininteligíveis e pedais duplos sobre humanos.

07 - Catherine Blakes (My Dying Bride) Estes ingleses nunca desistiram. Mesmo após a viagem indigesta 34.788%...complete de 1998, eles continuaram lançado álbuns do mais puro death doom ano após ano. Em 2004 soltaram Songs of Darkness Words Of Light bastante pesado e obscuro. E a música Catherine Blakes com seus momentos doces alternados a outros de completo ódio é um deleite para os adoradores da solidão.

08 - Countdown To Extinction (Megadeth) - A faixa título do álbum Countdown To Extinction caracteriza tudo aquilo que foi este álbum. Nada de muito peso ou velocidade, mas riffs atrás de riffs com muita competência e criatividade para tornar cada momento do álbum único. Mustaine conseguiu levar sua banda a um novo patamar e ainda angariar mais fãs.

09 - Christ's Death (Sarcófago) - Uma fúria que poucas bandas de black metal conseguiram alcançar dali em diante. Vocais rasgados e insanos das profundezas das trevas. Um final com a marcha fúnebre e gritos nada religiosos. Este era o Sarcófago com Christ' s Death em seu primeiro álbum, que marcou história e é cultuado pela maioria das hordas de todo o mundo.

10 - Correria (Korzus) - Quem diria que uma faixa em português poderia ser o destaque de um álbum de uma banda de thrash, há vinte anos atrás? Mesmo que este álbum, o Ties Of Blood, tenha a faixa Guilty In Silence de abertura com seus riffs malvados a la Slayer! Pois Correria consegue com seu refrão simples e pegajoso e seu ritmo perfeito para pular, moshar, bater cabeça e quebrar tudo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário